Mercedes confirma "pacotão" com três modelos no Brasil

A Mercedes-Benz do Brasil apresentou, nesta segunda-feira (19), em São Paulo, o novo sedã C63 AMG. O modelo utiliza um bloco V8 aspirado de 487 cv e precisa de rápidos 4,3 segundos para arrancar de zero a 100 km/h. Seu preço é de US$ 226.500 (cerca de R$ 418 mil). Junto ao sedã a marca alemã apresentou também a versão coupé, que só deve chegar por aqui no primeiro semestre de 2012. A versão duas portas custa US$ 235.900 (ou R$ 435,4 mil).
E para encerrar e abrir o ano com chave de ouro, a marca também confirmou a chegada da SLS Roadster. O modelo é o mais caro dos três, à venda a partir de US$ 420 mil, o equivalente a R$ 775,2 mil.
Durante a apresentação, no autódromo de Interlagos, a Mercedes informou que os preços divulgados ainda não sofreram reajuste por conta do aumento do IPI, que entrou em vigor no último dia 16. Segundo a montadora, os reajustes (nos três casos) elevarão em 15% a 20% os preços praticados no momento. A previsão da filial brasileira é de que as novas unidades comecem a chegar ainda no primeiro trimestre, já com os valores atualizados. Preços “pré-IPI” (unidades estocadas): Mercedes-Benz C63 AMG – US$ 226.500 (R$ 418 mil) Mercedes-Benz C63 AMG Coupé – US$ 235.900 (R$ 435,4 mil) Mercedes-Benz SLS AMG Roadster – US$ 420.000 (R$ 775,2 mil)

Comentários

Postagens mais visitadas