Estado vai tirar gradativamente das ruas carros que poluírem o ar

Preocupado com o aumento da poluição do ar, o Governo do Estado anunciou, nesta segunda-feira, a aplicação de regras mais rígidas para impedir a circulação de veículos que poluem o ar no Estado do Rio. A partir de 1 de janeiro, o teste passará a reprovar os maiores poluidores. Até agora, a emissão de gás era avaliada apenas de forma educativa,apenas reprovando caminhões e ônibus. Os veículos que estavam desregulados recebiam o selo de "inapto", mas continuavam a circular livremente. A vistoria mais rigorosa a partir de agora, nos testes de emissão de gases em vistoriais anuais pelo Detran, consta de uma resolução do Conselho Estadual de Meio Ambiente (Conema), publicada no Diário Oficial desta segunda-feira. O plano é regularizar gradativamente esses veículos até 2016, ano das Olimpíadas, estabelecendo metas ano a ano, a partir de 2012. Carros mais eficientes no controle da emissão de gases terão desconto no IPVA a partir de 2013 As novas regras foram anunciadas em entrevista coletiva nesta segunda-feira (26/12), na sede da Secretaria do Ambiente, no Centro do Rio, pelo secretário Carlos Minc, pelo presidente do Detran, Fernando Avelino, e pela presidente do Instituto Estadual do Ambiente (Inea), Marilene Ramos. O secretário ainda antecipou que já foi aprovada pelo governador Sérgio Cabral a criação da Nota Verde para os carros novos mais eficientes no controle da emissão de gases, que terão desconto no IPVA a partir de 2013. Nas vistorias feitas pelo Detran este ano, cerca de 400 mil veículos automotores foram considerados inaptos em relação a índices de poluição do ar estabelecidos pelo Conselho Nacional do Meio Ambiente (Conama), com um grau de poluição acima do limite de 200 PPM (partículas por milhão). Abaixo disso o veículo é considerado apto. Segundo o secretário, só serão atingidos nas vistorias de 2012 os carros que mais emitem gases de efeito estufa, que ele chama de “dragões da poluição”, calculado pelo Detran entre 40 mil e 50 mil veículos. Eles emitem um grau de gases poluentes acima de três mil PPM. O motorista terá 30 dias para regularizar o carro e voltar à vistoria. – Em 90% dos casos, o motorista vai consertar porque ele terá ganho. Um carro regularizado economiza combustível, além de beneficiar a atmosfera e os nossos pulmões. Agora, quem não retornar terá o carro apreendido – advertiu Minc. Apesar de representarem em torno de 10% do total de carros poluidores, o secretário disse que eles são os mais preocupantes para o meio ambiente: — Eles sozinhos emitem mais da metade da poluição de todos os 400 mil veículos. Vamos tirar por ano um milhão de quilos de poluente no ar do Estado do Rio – apostou Minc. Os demais continuarão a circular com a advertência, mas nos anos seguintes também serão enquadrados à medida em que o Detran aumentar a linha de exigência até atingir a ideal estabelecida pelo Conama. Em vigor desde junho, uma resolução libera os veículos novos comprados em 2011 da vistoria do Detran-RJ em 2012. Segundo informou o presidente do Detran são cerca de 370 mil veículos que só precisarão fazer vistoria a partir de 2013. – Na hora que for pagar o IPVA o motorista já sabe que não precisa fazer vistoria e pode pegar o documento de licenciamento no posto do Detran mais próximo da casa ou do trabalho. Ele escolhe o local, agenda e recebe o documento – afirmou Avelino. A frota em circulação no Estado do Rio é calculada em mais de 4,5 milhões de veículos. O Estado do Rio vem registrando uma elevação de 225 mil veículos por ano em sua frota nos últimos 10 anos. São cerca de 1,8 bilhão de toneladas de monóxido de carbono emitidas para a atmosfera todo ano. (Fonte: site do Governo do Estado).

Comentários

Postagens mais visitadas