Polícia da Espanha fecha fábrica de Ferraris piratas


A polícia espanhola promoveu uma mega operação que fechou uma fábrica especializada na fabricação de Ferraris. Isso mesmo, Ferraris!

A montadora clandestina funcionava em um galpão escondido que ocultava uma linha de montagem ilegal, não só da marca italiana, como da inglesa Aston Martin, dentre outros.

Na "montadora" os agentes encontraram 17 réplicas fajutas de Ferraris F430 e outras duas falsificações de Aston Martins.

Os superesportivos eram fabricados a partir de um conjunto mecânico de carros mais simples, neste caso o Toyota Célica era usado como modelo base.

Apesar de enganarem no visual, as cópias piratas se denunciavam na hora de acelerar, com um ronco de motor totalmente diferente das Ferraris verdadeiras. Sob o capô, ao invés do tradicional V8 central, as cópias ilegais tinham motores dianteiros de 4 cilindros.

 O custo dos carros variava, mas girava em torno de € 40 mil (R$ 123 mil, aproximadamente), equivalente a 1/4 do preço de uma Ferrari de verdade na Europa.


Assista o vídeo abaixo e confira!


                         

Comentários

Postagens mais visitadas